Descubra a feirinha do Templo Budista de Brasília! De graça!

Essa é uma daquelas feirinhas que reúne tudo que amo: um clima de viagem, comidas diferentes, produtos geeks e da cultura oriental. Tudo isso num local lindo!!!! Hoje estou na Feirinha do Templo Budista de Brasília.

Todo sábado, às 8h da manhã, o Templo Budista de Brasília abre as portas para essa feirinha que tem se tornado a cara da cidade. Até às 14h, você confere todos os atrativos e pode aproveitar para almoçar por lá! Tem alguns vídeos no meu insta @babilins.

Como funciona a feirinha do Templo Budista de Brasília

Para quem não lembra (ou não sabe), o Templo Budista de Brasília fica na 315/316 sul. As barraquinhas da feirinha ocupam parte do estacionamento interno e parte do interior do templo. São mais de 12 expositores. 

Cheguei assim que a feira abriu. Logo na entrada, a gente vê produtos que não fáceis de encontrar por aí, como pedras e esculturas únicas. Algumas vezes a barraquinha é ocupada por mais de um expositor. Aumentando ainda mais a diversidade.

Quanto custa a entrada e os preços lá dentro

Você não paga nada para entrar na feirinha do Templo Budista de Brasília. Isso mesmo! É de graça! 0800! É uma opção lindeza para quem procura o que fazer de graça em Brasília no sábado e aos fins de semana.

O melhor é que os preços lá também são bem convidativos. Peguei alguns para dar uma ideia dos valores para vocês se programarem e já irem com o PIX preparado.

Um exemplo são os doces e guloseimas japonesas. Eu aprendi a amar ervilha com wasabi na minha viagem ao Japão (veja com tirar o visto aqui). Lá, o pacote sai por 30 reais. A bala de leite Miruko (que foi um dos mimos que dei de brinde no lançamento do meu livro Viagens Transformadoras) está 29 reais o pacote.

As almofadas térmicas (que descobri na África do sul e salvam a vida no frio) custam 65 reais com o Geraldo da Rupihar. Um terrário grandão da Selva Lab com órquideas sai por 250 reais.

Já no espaço Haru tem incensos importados seeeeeensacionais feitos à mão 22 reais. As japamalas (Que já expliquei como usar neste outro post aqui) custam a partir de 54 reais. Eles também têm quimonos e outros artigos orientais.

O que comer na feirinha do Templo Budista de Brasília

Para começar, eles possuem uma feirinha de produtos orgânicos que acontece no mesmo dia e local. Só que a de orgânicos começa antes, às 6h30. Lá você encontra os melhores alimentos orgânicos, plantados e colhidos com muito amor.

Além disso, tem uma barraquinha do próprio templo com venda de pastéis e gyozas, suco e refrigerante. Atenção que ela fica na outra lateral do Templo Budista de Brasília. Eu achei só depois.

Por fim, a recomendação é levar cangas e aproveitar o gramado do Templo para sentar e conversar com amigos e familiares em um local aberto e arejado. Não precisa agendar. Só chegar! Usando máscara, claro. Aproveite o Templo Budista de Brasília e me conta o que achou.

Se quiser mais dicas do que fazer em Brasília, clique aqui!


Venha para o Time dos Descobridores!

Criei esse blog para sairmos da normalidade, do piloto automático e termos uma vida mais simples, divertida e equilibrada. Se você quiser receber toda semana os melhores posts de graça é só mandar uma mensagem de whatsapp para (21)  98377-6931 com a palavra QUERO e com SUA CIDADE e salvar o número! Se clicar aqui vai também! Mas lembra que tem que salvar o número na sua agenda.

Ah! No face e no insta @babilins também dou dicas! Se cuida.

Na página do facebook do Descobertas Bárbaras você encontra mais atrações!


Posts Relacionados

Fazenda Babilônia (Pirenópolis): veja preço, atrativos e se vale a pena ir na chuva ou com crianças

O melhor roteiro de 3 dias na Cidade do México: O que fazer!

É seguro viajar de avião no primeiro trimestre da gravidez?