Como são os preços na Feira do Bixiga: a feira de antiguidades mais legal de São Paulo

Antes mesmo de pisar na Feira do Bixiga, você já entra no clima. No caminho que leva à praça de uma das feiras de antiguidades mais legais de São Paulo você já começa a ver várias pessoas estendendo seus paninhos ao longo das calçadas e expondo os mais diversos produtos. De raridades a quinquilharias sem muito valor.

Assim é a Feira do Bixiga, um local que vale a pena visitar mesmo que sai sem comprar nada. Só o passeio entre as diversas tendas é uma volta ao tempo e um atrativo para se divertir muito relembrando a história do Brasil, do mundo e (dependendo da sua idade) a sua também!

Neste post saiba tudo! Como chegar, quanto custa, o que fazer e o que comprar.

Qual é o dia e onde é a Feira do Bixiga

A Feira do Bixiga fica no Bairro que leva o mesmo nome. Aqui um fato curioso. Apesar de todos conhecerem e falarem sobre o Bairro do Bixiga, ele, formalmente, não existe. Aquele ali é o bairro Bela Vista, que você chega facilmente de metrô, ônibus e Uber. Fica perto da Avenida Paulista.

A Feira acontece na Praça Dom Orione, na esquina entre as ruas 13 de maio e Rui Barbosa. E ela tem história! Está lá desde 1984! Todos os domingos, das 9 da manhã às 17h. Faça sol ou faça chuva, a praça é tomada por barraquinhas como mostrei no meus insta @babilins.

Essa é uma das feiras de antiguidade mais conhecidas do Brasil. É comparada a outros mundo a fora, como a de Santelmo, na Argentina,  Mercado das Pulgas, de Paris, e a Portobello, de Londres. Ela tem todo um charme e tradição que encanta mesmo!

Como são os preços da feira de antiguidades mais tradicional de São Paulo

De moedas turcas antigas por dois reais a capacete de caça coreano por 8 mil reais. Você encontra de tudo e mais um pouco pelos corredores da Feira do Bixiga. Alguns produtos tinham o preço neles, outros é preciso perguntar e pechinchar… pechinchar muito!

Vamos a alguns dos meus achados. Encontrei telefones charmosos antigos funcionando por cerca de 200 reais. Tinha um amarelinho que queria levar pra casa. Casaco original Burberry por 1000 reais. Pratos europeus antigo de 25 a 40 reais. Estou apaixonada por eles, quero montar um jogo deles com peças aleatórias para minha casa.

Um gramofone estiloso demais e ainda funcionando estava 1450 reais na promoção. Um jogo com pente, espelho e escova por 200 reais. Tem também miudezas. Brinquedinhos antigo por 10 reais cada. Ou ainda uns canivetes sem muita procedência por 40 reais.

Por fim, tem coisa que eu não queria nem de graça. Tem algumas quinquilharias inúteis por lá, então olho atento para não levar gato por lebre. E tem até objetos que eu pagaria para ter bem longe de mim, como esse fofão que estavam pedindo 175 reais! Jesus amado.

Os arredores da Feira de antiguidades de São Paulo.

Além da feira no meio da pracinha, tem várias lojas de antiguidades ao redor e na região da Bela Vista. Entrei numa mega chamorsa! Só produtos de uma curadoria belíssima. O olho da cara, mas lindo de viver. É a do Bem Hur. Se você tem bala na agulha, olha a seleção de móveis dele! Bom gosto e autenticidade. Tem um móvel inspirado em Brasília que assim que ficar milionária vou lá buscar.

Tem também algumas galerias de arte e lojas de artigos musicais. Mas outro ponto forte da região da Feira do Bixiga é a comida. Vamos começar com os canolis do doceiro Alexadnre Leggiere. Eu amo essa sobremesa típica italiana.

Além disso, tem os restaurantes italianos. Lá tem vários!!!! Confesso que não comi em nenhum. Entretanto, peguei com o Márcio Suematsu, meu amigo que entende tudo de comida boa em Sampa, a dica do Cantina Lazzarella. Fica na rua 13 de maio mesmo!

Bem, se tiverem qualquer dúvida é só deixar nos comentários que eu respondo. Boa viagem no tempo!

Posts Relacionados

Novos Motorhomes para alugar em Brasília! Veja modelos

Descubra o chalé dos sonhos para relaxar ou ter uma noite romântica em Brasília

Recanto Carvalho (Fercal) une passeio rural pela natureza e história de Brasília