Exemplos de Microcontos! O melhor exercício para começar a escrever

Eu participo de um grupo de escritores que fazem reuniões a cada 15 dias para ler e comentar os textos uns dos outros. Todo encontro temos uma missão para a próxima reunião e a da vez é escrever exemplos de microcontos! Nunca tinha feito um e vou te contar… descobri que é super divertido e um dos melhores exercícios para quem está começando a escrever.

Logo abaixo deixei alguns exemplos de microcontos. Antes de ir, deixe um microconto seu nos comentários!

Como escrever um microconto

Um microconto deve ter no máximo 140 caracteres, mas a maioria prefere limitar em 10 palavras. Tem ainda quem se arrisque em nanocontos, com no máximo 4 palavras! Esse formato de literatura ganhou força com as redes sociais. Ele é rápido para ser escrito e lido no dia a dia.

Apesar de pequenos, eles devem seguir algumas regras. Deve conter uma boa ideia, ser preciso, surpreendente e original. Não deve ser o resumo de uma história, mas conter toda história em si. Isso é um desafio e tanto! O lance é aprender a cortar, cortar e cortar.

A orientação para quem está começando, e quer entender como escrever um microconto, é evitar escolher mais do que 3 personagens, buscar explorar algo inusitado e não ficar se explicando no texto. Deixe a imaginação do leitor ir para onde quiser.

Exemplos de microcontos

Vou compartilhar aqui alguns que fiz para o próximo encontro do grupo! Quase todos foram escritos enquanto eu andava ao redor da Lagoa Rodrigos de Freitas num sábado ensolarado. Eu andava via alguma coisa ou pessoa, tinha uma ideia, parava e anotava no celular.  Eles têm no máximo, 10 palavras, como foi combinado com o grupo.

  • De repente, as paredes começaram a responder. 
  • Assim que o piloto anunciou a aterrissagem, entendeu que quem se deslocava durante o voo era ela. 
  • Depois do divórcio, passou a odiar cadeiras beges.
  • Foi o único dia que astrólogo e astrônomo concordaram
  • O peso da mochila deixava tudo mais leve
  • As pessoas se acostumaram com a queda de dois boings por dia
  • Um outro eu, um pouco menos seu.
  • Bebê feio
  • Quando decidiu revelar a verdade, a bateria acabou.
  • Terminou o livro ali mesmo na ponte, pouco antes de pular.
  • Não era uma herança, era uma vingança
  • Na linha de chegada,viu que era tudo uma grande besteira
  • Passou a vida perdida dentro da própria casa.
  • – Ô porra! A máscara! Voltou e desistiu de ir.
  • Árvore. Árvore. Árvore. Lago.Planície aberta. Casinha. Vaca. Árvore. Árvore
  • Vendo da janela minúscula as pessoas correndo lá fora, entendeu porque gostava tanto de bonsais.
  • Ficar sem o tampão do dedão do pé direito era um preço barato a se pagar
  • – É só agir normalmente naturalmente, disse o elefante rosa ao se afastar dela.
  • Difícil era saber qual cogumelo dava vida extra e qual fazia ir rápido demais
  • Percebeu que era um outdoor ambulante e começou a estufar o peito. 
  • Só se achou quando desistiu de saber para onde estava indo. 
  • No dia seguinte, uma capivara tinha assumido seu lugar
  • Pegou o mapa de outra cidade e, resoluta, começou a andar.
  • Até hoje não sabe se as folhas espalhadas pelo loja eram decoração ou abandono.
  • Era uma porcaria de casa mal-assombrada
  • No auge, esqueceu onde colocar as mãos.
  • Enquanto eram devorados pelo tucunaré entenderam que o barco era a isca
  • Eram árvore migratórias.
  • Anos de pesquisa e conseguiu provar que as louças se procriavam na pia
  • Só um Tibogicar sabia andar sem ser visto como aquela criança
  • Apertou os olhos e, sem ouvir nada, disparou contra o quadriciclo.
  • Era olhar pra criança pra saber que os pais mentiram a vida toda.
  • Corre!!! Corre!!!!! ………. Corta! Fico ótimo! 
  • Só saía dos seus devaneios pra buscar elementos que dessem sentido à sua loucura
  • Um dos feriados que mais gostava, dia nacional da normalização da tirada de calcinha da bunda
  • Na revolução, os primeiros a serem fuzilados foram os Yorkshire’s

Ei! Antes de ir, deixe um microconto nos comentários. Um ou mais…

Ah! Aqi no blog tem várias sugestões de livros e técnicas de escrita.

Venha para o Time dos Descobridores!

Criei esse blog para sairmos da normalidade, do piloto automático e termos uma vida mais simples, divertida e equilibrada. Se você quiser receber toda semana os melhores posts de graça é só mandar uma mensagem de whatsapp para (21)  98377-6931 com a palavra QUERO e com SUA CIDADE e salvar o número! Se clicar aqui vai também! Mas lembra que tem que salvar o número na sua agenda.Ah! No face e no insta @babilins também dou dicas! Se cuida.

Na página do facebook do Descobertas Bárbaras você encontra mais atrações!

Posts Relacionados

A China em Brasília! Evento gratuito reúne cinema e oficinas a partir de sábado

Beijódromo (DF): espaço tem exposições, cenário lindo e comida saudável!

Festa Literária de Pirenópolis começa quinta com oficinas, teatro e muito mais!